notícias

A Companhia de Teatro de Almada, a Plataforma Cultural de Almada e a Câmara Municipal de Almada

A Companhia de Teatro de Almada foi surpreendida por ver o seu nome envolvido num comunicado da Plataforma Cultural de Almada, intitulado “Almada – Plataforma Cultural acusa Autarquia de inoperância”. Este comunicado foi divulgado por vários órgãos de comunicação social, e nele pode ler-se que “a lista de críticas é encabeçada pelas companhias protocoladas – a Companhia de Teatro de Almada, o Teatro Extremo, e a Companhia de Dança de Almada (…)”.

Cumpre-nos pois esclarecer que a Companhia de Teatro de Almada não só não encabeçou nenhumas críticas como as referidas no comunicado, como não delegou nem autorizou quem quer que fosse a associar o seu nome a qualquer declaração, seja ela numa reunião pública da Câmara Municipal de Almada, ou em qualquer comunicado.

Mais exigimos que seja feita uma rectificação do dito comunicado da Plataforma Cultural de Almada (com a qual a CTA não tem qualquer ligação), de modo a que dele desapareça o nome da Companhia de Teatro de Almada.

Informamos que a CTA não sofreu nenhum corte ao seu financiamento por parte da CMA, e que na referida reunião pública a Presidente do Executivo garantiu o reforço do apoio ao 35º Festival de Almada, de forma a atenuar o efeito da redução do financiamento por parte do Estado.

Como sempre fez com todos os executivos camarários desde a sua instalação em Almada, em 1978, a Companhia de Teatro de Almada reserva-se o direito de ter uma relação de colaboração com os representantes do Município, e de decidir por si própria quando e onde tecer as suas críticas e os seus louvores.

Companhia de Teatro de Almada  

mostrar mais
Close
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker