DançaTemporada 2018

CONTOS DO ABSTRATO

direcção de São Castro e António Cabrita

27 e 28 OUTUBRO, 2018 | SALA EXPERIMENTAL

Dirigindo-se a alunos do Ensino Básico, e prevendo uma conversa entre os bailarinos e o público no final, Contos do abstrato é uma espécie de introdução à dança, remetendo para o domínio “do gesto puro, que se interpreta a si mesmo e se abre em infinitas possibilidades de movimento“. Sem preocupações de ordem narrativa, o espectáculo tenta que a comunicação se estabeleça “apenas através do corpo, que traduz pelo movimento um tema ou conceito definido“, e que a relação entre profissionais e espectadores de dança seja cada vez mais profunda.

São Castro (n. 1976) formou-se no Balleteatro e na Escola Superior de Dança, em Lisboa. Como intérprete, passou pela Companhia Portuguesa de Bailado Contemporâneo, pelo Ballet Gulbenkian e pela Companhia Instável. Estreou-se como coreógrafa em 2009. Colabora desde 2011 com António Cabrita, com quem partilha a direcção artística da Companhia Paulo Ribeiro desde 2016. A dupla foi distinguida em 2015 pela Sociedade Portuguesa de Autores com a peça Play False.

António Cabrita (n. 1982) é co-director artístico da Companhia Paulo Ribeiro. Estudou Dança na Escola Superior de Dança, na Escola de Dança do Conservatório Nacional e na Joffrey Ballet School, em Nova Iorque. Paralelamente, estudou Cinema e Criatividade Publicitária. Tem desenvolvido o seu percurso como bailarino, coreógrafo, video-designer e sonoplasta entre Portugal, a Alemanha e a Bélgica.

Companhia Nacional de Bailado

Sábado e Domingo às 16h
SALA EXPERIMENTAL | M/6 | Duração: 50 min.

COMPRAR BILHETE

Textos Paulina Santos e Carla Pereira
Música Max Richter, Joan Jeanrenaud, Pieter Wispelwey, J. S. Bach e Ezio Bosso
Voz São Castro


CONTOS DO ABSTRATO


tags
mostrar mais
Close
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker