35º Festival AlmadaEspectáculos estrangeiros

ZAPIRANJE LJUBEZNI
Final do amor

Texto de Pascal Rambert | Encenação de Ivica Buljan

INTERPRETAÇÃO:
Pia Zemljič
Marko Mandić
TRADUÇÃO:
Suzana Koncut
DRAMATURGIA E ASSIST. DE ENCENAÇÃO:
Robert Waltl
FIGURINOS:
Ana Savič Gecan
SOM E ESPAÇO CÉNICO:
son:DA
FOTOGRAFIA:
Nikola Predovič
EQUIPA TÉCNICA:
Matej Primec
Anže Kreč
TRADUÇÃO PORTUGUESA:
Victor de Oliveira

 

LÍNGUA:
Esloveno
legendado em português
DURAÇÃO:
2h00
CLASSIFICAÇÃO:
M/18

Um actor e uma actriz, fechados numa sala de ensaios, colocam um fim à sua relação. Final do amor desenvolve-se como o movimento de uma onda, com dois monólogos sucessivos: o homem agride a mulher com as razões que o levaram a deixar de amá-la e, na ressaca, ela responde-lhe à letra, superando a prostração em que ficara. Este homem e esta mulher chamam-se Marko e Pia, os nomes dos dois intérpretes que na vida real são também um casal – Pascal Rambert fez questão de que, nesta montagem, assim fosse. Para Ivica Buljan, “esta é uma história pura sobre o amor, num tempo em que as histórias puras já não existem”. Final do amor constitui igualmente uma oportunidade para reencontrar o actor Marko Mandić – que o público do Festival de Almada conhece de outras encenações de Buljan (como Macbeth ou Pílades) – e descobrir o talento de Pia Zemljič, cuja interpretação nesta peça lhe valeu o Prémio Sever, sendo considerada “antológica”.

Ivica Buljan (n. 1965) foi director artístico do Teatro Nacional da Croácia e co-fundador do Teatro do Mundo, em Zagreb, e do Mini Teater, em Liubliana. Em 2012 recebeu o Prémio Persen, a mais alta distinção cultural do Estado esloveno. Em 2014 encenou para a CTA Cais Oeste, de Bernard-Marie Koltès, e no ano seguinte dirigiu a École des Maîtres, um curso para jovens actores europeus. No Festival de Almada já apresentou textos de Shakespeare, Pasolini e Juli Zeh / Charlotte Roos.


Love’s end is a play about love and broken relationships. About what happens when a couple is separating, and when one of the two decides to leave. Pia Zemljič and Marko Mandić, a couple also off-stage, will close their love relationship and partnership on stage. They are driven by rage and an extreme force of separation. The play consists in two monologues that cannot interrupt each other.


ALMADA

TEATRO-ESTÚDIO ANTÓNIO ASSUNÇÃO

SÁB 07

DOM 08

SEG 09

TER 10

15h00

15h00

18h00

18h00


MINI TEATER (Liubliana / Eslovénia)
Co-produção: Mestno gledališče Ptuj (Eslovénia), Novo kazalište e Zadar snova (Croácia)
Colaboração: Instituto Francês de Liubliana

mostrar mais
Close
Close

Adblock Detected

Please consider supporting us by disabling your ad blocker